26 de dezembro de 2013

Depressão pós-Natal

Oi amigas! 


Um Feliz Natal atrasado para todas vocês! Espero que não estejam arrependidas de terem enfiado o pé na jaca do jeito que eu fiz... foram três festas pra ir numa única noite! Já sinto até o estrago na barriga. Passei quase duas semanas só comendo! Desde que fui pra Recife não consegui fechar a boca. Mas paciência, o estrago já foi feito e academia agora só no dia 2 de Fevereiro. Pelo menos a fartura de Natal terminou e já dá pra retomar a dieta. 

O jeito agora é caprichar nos sucos, beber muita água e comer coisas leves. Ainda bem que não sobrou nada na geladeira, ufa!

Passando bem rapidinho, depois visito todas! :)

17 de dezembro de 2013

Recife

Fui ali em Recife com meu amor! 
Quinta tô de volta com novidades, fotos e quilos...


Um beijo! ;*

12 de dezembro de 2013

Passos Lentos

E como é bom voltar da Nutricionista trazendo resultados positivos! No dia 31 de Outubro a balança tinha registrado 74,600kg e hoje ela registrou 71,400... Ou seja, menos 3,200kg em pouco mais de um mês! Tá bom né? Pra quem não conseguia sair dos 74 kg desde Janeiro, chegar em Dezembro com 71kg é como um presente de Natal pra mim :)  Pra quem interessar, a dieta que eu segui está bem aqui

Em se tratando de emagrecimento, eu sempre declarei aqui no blog minha paixão por duas profissões: o Psicólogo, porque sei que toda má relação com a comida tem um conteúdo inconsciente envolvido, e o Nutricionista, nem preciso dizer por quê. Sou daquelas que fica chateada quando vejo pessoas optando pela Redução de Estômago ou buscando remédios para emagrecer no Endocrinologista, justamente por saber que o problema está na cabeça ou na comida, por ser contra a medicalização e a industria farmacêutica, por saber que na grande maioria dos casos as pessoas voltam a engordar, e principalmente por saber que é possível emagrecer 30, 50, 70kg sem nada disso.
  
No meu caso, ao todo já se foram 34kg. Destes, 15kg sumiram com a ajuda do blog - em quase dois anos. Conseguiria emagrecer mais rápido? Sim, claro! Mas talvez sentisse mais dificuldade em manter o peso estável, talvez precisasse me sacrificar muito mais do que já faço, talvez ficasse mais flácida, enfim... sou adepta ao "devagar e sempre", e tem dado muito certo.  

Para aquelas que acham que estão emagrecendo bem devagarzinho, parabéns! Fazemos parte de uma cultura imediatista, fruto do capitalismo, que quer resultados pra ontem. Você não precisa disso, você é seu próprio chefe, se dê seu próprio tempo. Óbvio, faça tudo que estiver no script: alimentação balanceada, exercício físico e psicológico equilibrado, e se o peso insistir em não baixar por enquanto, preocupe-se apenas em não deixá-lo subir, pois é só uma questão de tempo. Essa é a minha dica.  

Lembre-se sempre: se você não emagrecer agora, não significa que você não vai emagrecer nunca! ;)

11 de dezembro de 2013

Tenho um Transtorno Alimentar

Responda mentalmente: Você vive de dieta e não cansa de ver os pesos na balança diminuírem? Você se preocupa com o que vai comer todos os dias e se sente culpada quando foge da dieta? Faz atividade física pensando em quanto vai emagrecer esta semana e não pensando no quanto aquilo é agradável e relaxante? Deixa de ir para alguma festa porque vai ter muita comida, ou até vai pra festa, mas se contenta em comer apenas um docinho e um copinho de água? Quando quer comer muito, espera todo mundo sair de casa ou come escondido pra ninguém ver? Se alguém fala da sua alimentação, você explode, fica muito irritada porque acha que eles não tem nada a ver com isso? Não consegue parar de pensar no quanto está gorda e inchada? Às vezes nem vomita, mas vive compensando a comilança do dia anterior com sucos diuréticos, muito exercício físico e/ou algumas horinhas de jejum?
Eu sim... e sabe o que eu descobri? Que eu tenho um transtorno alimentar. 

Muita gente aqui no mundo virtual assume que tem uma relação de amor e ódio com a comida e que essa relação gera sofrimento, sensação de culpa, impotência, que acaba com a autoestima, mas daí assumir que está doente... é realmente muito difícil. Atenção galera: isso não está certo! Mesmo que sua pressão arterial ou açúcar no sangue tenha abaixado, isso não significa que você está saudável, até porque Saúde é o completo estado de bem-estar Físico e Mental (OMS) - corpo e mente trabalham juntos e não separados.  

Há algum tempo sei que sou Bulímica... apesar de não forçar o vômito, ele vem espontaneamente depois que como muito. Durante algum tempo achei que fosse refluxo, mas depois me dei conta de que não era. Já falei sobre isso em terapia, hoje estou muito melhor, mas ainda é difícil me desfazer desse transtorno. Desde então estudo muito sobre o tema, fiz meu TCC, refleti muito, e ao ler os blogs e os desabafos de algumas colegas, percebi que não sou a única. Muitas de vocês precisam começar a abrir os olhos pra isso.

Pra começar, a Bulimia se caracteriza por episódios de comilança desenfreada (ou compulsão alimentar... quem nunca?), seguidos de hábitos que visam compensar o ganho calórico nas chamadas "técnicas purgativas". Realmente, nunca li por aqui alguém dizer que vomita ou toma laxantes depois de comer, graças a Deus, mas quantas vezes vocês já disseram que passaram o dia seguinte inteiro bebendo sucos verdes, chás diuréticos, sopas ou até fazendo jejum pra compensar a comilança? Quantas vezes disseram que foram para a academia e passaram o dobro do tempo na esteira ou na musculação? Pois então, estas compensações relacionadas à culpa por ter comido muito, são, por si só, técnicas purgativas, logo, sinais de alerta.

Como psicóloga e como vítima deste transtorno, acho interessante fazer esta ressalva aqui no Blog, pois às vezes não nos damos conta de que estamos doentes. Obviamente, não vou morrer por ter este transtorno, mas não posso negar o quanto ele faz mal pra mim emocionalmente falando. Morro de inveja de pessoas que comem sem culpa, sem se importar no quanto vão engordar e assumo: isso me faz sofrer. Quero mudar essa realidade sem ter, no entanto, que parar de emagrecer. Comida não é e nem pode ser sinônimo de sofrimento. 

4 de dezembro de 2013

Carnitina


Minha mais nova aquisição: Carnitina. Já ouviram falar? Eu também não, só vim conhecer recentemente... minha instrutora da academia que me indicou, Taiane Costa. Ela estava concorrendo num campeonato de "Atleta Biquini Fitness" e precisava perder gordura pra não passar feio na passarela, daí me disse que estava tomando esse suplemento e que a ajudou bastante. Ela acabou ganhando o segundo lugar, mas arrasou de qualquer jeito!
Em geral, nosso amigo Google disse que ele queima gordura localizada - fala de todo um mecanismo de transporte de gordura pra mitocôndria, pra virar energia, blá blá. Eu nunca entendo nada disso! Só sei se é bom mesmo quando vejo a balança diminuindo! hahaha

Eu comprei na forma líquida e o gosto é de xarope. Estou tomando a quantidade equivalente a uma tampinha antes dos treinos. Comecei terça-feira, vou aguardar os resultados ;)

3 de dezembro de 2013

Postura

Eu nunca sei quando parar de emagrecer. Vocês também se sentem assim? 

Atualmente estou com 72kg e não sei se realmente preciso emagrecer mais... por outro lado, o meu IMC insiste em dizer que eu não estou no peso ideal e, com base nisso, fui informada pela minha nutricionista que eu devo emagrecer mais 5kg. Desse jeito eu acabo ficando confusa, sem saber se estou magra ou gorda. 
Confesso que sou o tipo de pessoa que não acredita muito no que os outros falam em relação à minha forma corporal, mas acho que estou começando a acreditar que eles estão certos em dizer que se eu emagrecer mais, vou ficar estranha, cabeçuda.
Alguns colegas tiraram fotos minhas enquanto apresentava um seminário e não sei se fiquei muito contente com o que vi: uma menina alta (tenho 1,74) e magra, mas com uma postura típica de quem perdeu peso demais, meio curvada e com os joelhos voltados pra dentro. Sempre critiquei esse tipo de postura e percebo que estou assim agora. 
Tudo bem que eu tenho consciência de que não ando assim pra cima e pra baixo, pelo contrário. Tenho uma preocupação tremenda em estar sempre ereta e, não é à toa, que meus colegas de trabalho me chamam de "modelo", por conta do modo que eu me porto, do modo que eu ando (desfilo, rsrs). Mas vocês conseguem perceber sobre o que eu estou falando? Talvez esteja na hora de parar de emagrecer, será?
Quando iniciei a dieta, minha meta inicial era chegar, justamente, aos 72kg. Acontece que agora que consegui, estou num misto de felicidade e insatisfação. Fico me questionando se algum dia eu me sentirei bem com o peso que tenho, ou se sempre estarei em busca de perder mais peso. Vejo fotos minhas que me dizem: "Pare de emagrecer agora mesmo!", mas aí vejo outras que falam: "Talvez seja interessante perder mais um pouquinho". Realmente, estou confusa.

27 de novembro de 2013

Apresentação do TCC

Algumas pessoas já sabem que eu fui uma criança gorda e uma adolescente obesa, e que meus anos escolares não foram lá os melhores anos de minha vida. Infelizmente sofri sucessivas agressões ao longo de, aproximadamente dez anos, e sei que parte da minha personalidade foi formada dentro deste contexto, o que me trouxe algumas repercussões psicológicas e comportamentais negativas, tais como: Conduta Agressiva, Transtornos Alimentares (Compulsão e Bulimia), Distúrbio na Forma Corporal, Problemas Socioafetivos e nas Relações Interpessoais. 
Diante desta história de vida, me senti motivada a escolher o seguinte tema pra o meu Trabalho de Conclusão de Curso da minha Faculdade de Psicologia: A Repercussão Psicológica do Bullying na Infância/Adolescência em razão do Excesso de Peso, no Indivíduo quando Adulto. Apesar de muita gente acreditar que estas agressões são normais e não dão em nada, tive um imenso prazer em mostrar que eles estão errados. Pude explanar - em 70 páginas - o quão graves são os episódios de Bullying voltado a pessoas gordinhas e de que formas eles influenciam na queda de Autoestima e no Autoconceito totalmente depreciativo das vítimas. 
A apresentação aconteceu hoje pela manhã e meus nervos estavam à flor da pele! Foram cinco anos de curso resumidos em quinze minutinhos. Obviamente, me identifiquei bastante com todos os dados obtidos na pesquisa e não posso negar que meus olhos se encheram de lágrimas quando, ao fim da apresentação, mostrei uma foto minha aos 15 anos, e todos da platéia puderam observar como eu era com 34kg a mais do que o que eu tenho hoje. Naquele momento, vi que todos sentiram um pouco daquilo que eu sinto todos os dias e que senti hoje, mais do que nunca: Orgulho

Os aplausos foram imediatos e eu estou imensamente feliz com o resultado do meu projeto de pesquisa! :)

21 de novembro de 2013

Projeto Verão?

Hoje me perguntaram se eu estou no "Projeto Verão 2014".
 Eu respondi que estou no "Projeto pra Vida Inteira"
Porque ficar gostosa somente por três meses é muito pouco! ;)

20 de novembro de 2013

Várias Tretas Mano

Incrível como cada treino novo da academia me faz pensar que eu nunca malheu de verdade na vida! rsrs Hoje eu me dei conta de que eu sou muito boa de perna, mas no quesito "braço", uma criança de cinco anos é mais forte que eu. Mas tô aumentando o peso com certa velocidade. Posso dizer que peguei mais peso nesses três meses de academia nova do que em um ano inteiro de academia antiga, não sei se por mérito meu ou por desleixo da academia anterior... Enfim, estou feliz com minha resistência e já me sinto mais durinha! Viva!

Hoje fui na feira com meu namorado comprar novos produtos pra me ajudar no meu emagrecimento. Caminhei um monte nessa brincadeira, e debaixo de sol - bom assim. 

Comprei 1 litro de Água de Côco, Passas, puro Mel, Açúcar Mascavo, Castanhas do Pará e Whey Protein de Morango S2

A conta saiu salgada. Por sinal, acho um absurdo o fato dos produtos de dieta serem tão caros. Um pacote de biscoito recheado custa menos de 1 real, mas experimenta comprar aqueles cookies integrais? São quase 5 reais! Assim fica difícil emagrecer...
Já aproveitei a feira pra fazer invenção na cozinha. Hoje me aventurei no fogão e fiz Cupcakes "lights" (se não fosse a farinha de trigo). O sabor foi de Canela com Cacau em Pó. Eles não ficaram bonitos, mas ficaram gostosos. O namorado gostou tanto que comeu logo uns cinco! Eu me contive e comi apenas um e meio - e corri pra aula de Zumba, pra queimar essas calorias logo!

No mais, estou Feliz da vida! A Campbell fez uma promoção e adivinha quem ganhou uma coqueteleira, umas amostras e uma pulseirinha? EEEU!! Morram de inveja!  hahaha 
Estou ansiosa pra receber Thai! :)

Beijo a todos e todas ;*

19 de novembro de 2013

Sacrifício sim, fome não!

Anos de dieta me fizeram perceber que, de fato, você é o que você come. Quando entendemos a lógica do emagrecimento e percebemos que para emagrecer precisamos consumir menos calorias e nos exercitar mais, tudo se torna mais claro, mas não mais fácil. Às vezes achamos que emagrecer é só reduzir a alimentação (que ajuda sim, claro), mas pra alcançarmos nossos objetivos, é necessário suar a camisa, fazer sacrifícios.
Quem me acompanhou, viu minha rotina de alimentação adequada e academia... E tanto esforço me valeu  à pena! Iniciei a semana que passou com 74,200kg e hoje a balança registrou -2kg! :) 
Agora só faltam 5kg!

14 de novembro de 2013

Orgulho Próprio

Estou tão orgulhosa de mim nessa semana gente! Acordei cedo todos os dias pra ir pra musculação, e na terça, quarta e quinta voltei pra academia também à noite pra fazer as aulas de dança. Fora a alimentação, que está linda - estou seguindo a dieta à risca, fazendo meus sucos e comprando "coisinhas" para me ajudar. 

Sucos de Maçã, Cajá e Abacaxi, acompanhados de Couve, Hortelã, Gengibre, Cenoura e/ou Chá.

É ou não é de se orgulhar?

Não quis me pesar ainda, só vou me pesar no dia 12 quando voltar na Nutricionista. 
Enquanto isso, vou me mantendo na linha.
Percebi que muitas meninas aqui no blog já estão usando as festas de fim de ano como um incentivo pra emagrecer. Resolvi me render também! Não quero emagrecer só pra usar um biquine no verão, quero usar também um vestidinho coladíssimo, curto e, claro: BRANCO no reveillon. Se eu estiver gostosa até lá, vou poder usar sem me sentir gorda, sem que a calcinha ou o sutiã fiquem marcando. Será que consigo? ;)

13 de novembro de 2013

Swing Baiano e Zumba

Desde que fui na nova Nutricionista coloquei na cabeça que vou perder o peso que ela quer que eu perca e pronto, é uma questão de honra! Só vou parar de emagrecer quando realmente estiver me sentindo bem comigo mesma. Mas, perder 7kg não será nada fácil... Ainda mais pra mim, que já tenho uma alimentação restrita e rotina de academia há mais de um ano. Meu corpo já se acostumou, e mantenho o mesmo peso desde janeiro...
Percebi que precisava começar a fazer alguma coisa diferente que me ajudasse a emagrecer. A musculação está me ajudando a ganhar massa (o que é bom), mas eu preciso ver os dígitos da balança diminuindo, se não vou sempre achar que estou engordando. Então, decidi recomeçar com os exercícios aeróbicos que costumava fazer na antiga academia, mas que abandonei quando entrei na academia nova. 
Recomecei com as aulas de Swing Baiano, que sempre fui apaixonada. Cá entre nós, eu danço bonitinho, e no swing as danças são coreografadas, em sua maioria Axé, Pagode e Funk, que eu adoro! 
E agora comecei também a fazer Zumba! Hoje foi minha primeira aula. Na verdade, já conhecia, mas nunca gostei muito. Acho uma dança bem doida, uma mistura de salsa com dança africana. Tem muito braço pra cima, depois pra baixo, enfim... mas o bom é que mexe o corpo todo! Eu suei litros, saí pingando, fiquei até com vergonha! rsrs Vou aprender a gostar quando ver o manequim diminuindo! :)

12 de novembro de 2013

Dica do Dia: Suco!

Com as minhas dietas aprendi que o Liquidificador pode se tornar um grande amigo. Todo suco ou vitamina de Frutas são bem vindos na dieta, e quando misturados com Verduras e Hortaliças, mais saudáveis eles ficam. 
Hoje eu segui a dica da minha Nutricionista e olhem o resultado: Suco de Abacaxi com Couve, Hortelã e Gengibre, uma dica boa para quem quer emagrecer.

Espera aí... Suco verde? Suco de Couve? 
Olhando assim parece ser ruim, mas o gosto que prevalece é o do abacaxi e o da hortelã. É gostoso, vale a pena.

Comprei os ingredientes no mercadinho aqui do lado de casa. A conta deu menos do que R$ 3,00 e dá pra fazer três porções. Eu só vou tomar nas terças-feiras, mas pesquisei na internet e vi que tem gente que toma três vezes ao dia. O abacaxi pode ser substituído por limão também, dizem que fica bom. 



INGREDIENTES
-2 ou 3 rodelas de Abacaxi
-'/2 folha de couve
-1 talo de folha de Hortelã
-1 pedaço pequeno de Gengibre

11 de novembro de 2013

Nutricionista

Semana passada voltei a frequentar a Nutricionista. A antiga nutricionista (Marcela Costa) era muito boa, mas era particular. Nas devidas circunstâncias financeiras, precisei mudar para uma que o plano plano de saúde cobrisse. O nome dela é Taise Reis (CRN - 5/4114) e ela é um amorzinho. 

A queixa foi a mesma de sempre: "quero Engostosar". Para isso, ela disse que eu precisava emagrecer e ganhar massa, nada que eu já não soubesse. O meu susto maior foi quando ela disse que eu precisava perder 7kg! Sério, esse IMC sempre me tira do sério... 

Apesar de todo mundo dizer que essa médica é doida, que eu já estou magra e tudo mais, eu sinto que ainda preciso perder alguma coisinha, e por quê não tentar chegar aos 67kg? Se eu ficar magra demais, é só engordar de novo - e olhe que eu sou boa nisso, ein! 

Então, estou seguindo a partir de hoje uma nova dieta que vou postar aqui no blog pra vocês na janelinha ali de cima (Planos Alimentares). E para me motivar a manter a dieta, já personalizei a porta do meu armário, como de costume. 

Aí eu coloco minhas pesagens diárias e minha rotina de academia. Hoje foi só a musculação, mas amanhã recomeço com o Treinamento Funcional, o Swing Baiano e com a Zumba. :)

Está pra nascer uma nova Panicat. Aguardem.

22 de outubro de 2013

Glúteos

Ando tão ocupada com meu TCC, que não tenho tido tempo pra passar no cantinho de minhas queridas blogueiras, mas sempre que posso acompanho a trajetória de vocês pelo Facebook. Por sinal, vocês que ainda não me tem por lá, essa é minha página: Andréa Martinez, vou adorar acompanhá-las por lá também!

Esse final de semana foi mais do que agitado, acho que foi por isso que a balança desceu pra 73,600kg hoje de manhã! Uhul! Foram muitas festas e ontem ainda tirei a manhã de folga e fui pra praia, estava muito branquela. O pessoal do trabalho me chama de galega, de tão branca! 

Eu sou baiana arretada, tenho que fazer jus a minha terra! Então, fui me bronzear, quer dizer... ficar vermelha, cor de jambo. E sabe de uma, arrasei no biquine! ;)

Por falar em trabalho, na minha empresa tem o setor de Almoxarifado, que só tem homem - e como todo homem safado, eles tem o costume de dar notas pra todas as funcionárias da empresa, pra ver qual a mais bonita, essas coisas. Eis que eu descobri minha nota: 9,5 (a maior da loja, desculpa aí, haha)! ;) 

E eles são tão cara de pau que disseram que só não foi 10 porque eu não tenho bunda! Veja se eu aguento com isso!? HAHAHAHA Mas verdade seja dita, não tenho muita bunda mesmo não, então tá decidido... vou caprichar na malhação dos glúteos ;) hahaha

17 de outubro de 2013

Luto

"Pode ser injusto, mas o que acontece em poucos dias, às vezes até uma única vez, pode mudar o rumo da sua vida inteira."
O Caçador de Pipas. 



Tem certas coisas na vida que acontecem e nos perguntamos o por quê. Mas, um dia minha vó disse pra minha mãe, que disse pra mim, que não devemos questionar as vontades de Deus. Não devemos nos perguntar por quê, e sim para quê? Tudo tem uma função nessa vida, tudo nos proporciona experiências e aprendizados... Às vezes aprendemos de maneira simples, fácil como amarrar os sapatos. Mas às vezes somos obrigados a aprender da maneira mais difícil. Mas aprender o quê? Sinceramente, não sei ainda... talvez possamos aprender a sobreviver, talvez sobre o viver. É nossa escolha.

Que Deus conforte o coração de nossa querida Dákila.
Sinto muitíssimo por sua perda, querida. 

2 de outubro de 2013

Sessão de Fotos

Mais um mês se inicia! 
Que Outubro seja um mês cheio de coisas boas para todas nós. E nada como um início de mês para me motivar a tirar fotos registrando o meu emagrecimento. 

Tudo bem que há tempos não consigo sair da casa dos 74kg (se bem que hoje a balança marcou 73,700kg), mas sinto que acordei diferente hoje. Então, por quê não registrar este momento? Desde que comecei meu treino de hipertrofia há pouco mais de 15 dias, não fiz minha sessão de Antes e Depois. Então, aí vai uma nova sessão de fotos seguida do que eu quero (e preciso) melhorar em mim:

Na primeira foto eu estava com 82kg - percebe-se pelo tamanho da minha barriga... Estava mais bronzeada também, diga-se de passagem! hahahah Já a segunda foto foi tirada hoje pela manhã, com 8 kg a menos. A diferença é gritante!
Mas apesar dos kg a menos, ainda posso listar uma porção de coisas que ainda me incomodam.

Celulite e Flacidez: minha perna mais parece o Iraque, de tanto buraco que tem. Mas não tinha como ser diferente, além da genética, minhas pernas são muito flácidas (ao todo já perdi 30kg!). Então tenho que continuar com minha musculação e com minha alimentação regrada, só assim estas coisinhas horrorosas desaparecerão.

Braço: Incrível como eles não diminuem! E não adiantou ter feito um ano inteiro de boxe e de musculação. Eles ainda parecem os mesmos! Acho que vou ter que recorrer a alguns tratamentos estéticos ein... Mas também não posso desistir da musculação, essa continua intensa!

No mais, orgulhosa de minha cinturinha. Tô gostosinha, vai...
Beijos ;*

24 de setembro de 2013

Quando me senti Linda...

Olá meninas, tudo bom com vocês? 
Bom, semana passada foi uma correria só! Vou precisar dessa semana inteira pra me recuperar. 

Pra começar, minha formatura será em fevereiro e já estamos na fase de tirar as fotos pro convite - pra vocês terem ideia, na quinta-feira a sessão de fotos terminou à meia-noite e no sábado começou às 5 da manhã! Se não bastasse o cansaço por causa das poucas horas de sono que tive, ainda precisei trabalhar na sexta, sábado e domingo até as 22 horas. Mas as fotos ficaram lindas! Eu estava trabalhada na maquiagem e estou tão magra nelas... nem fiquei parecendo um botijão de gás na Beca! Que orgulho de mim. 


Além disso, meu namorado viajou pro Rock in Rio... e ai de quem pensou que eu ficaria em casa chorando. Não que eu não estivesse com saudade - estava cheia de saudade do meu grandão - mas acho que temos que ter direitos iguais e confiança um no outro. Então, coincidentemente, foi aniversário de uma grande amiga minha, Carol, e foram 3 noites de festa! Uma depois da sessão de fotos na quinta, uma na casa dela com a família na sexta, e uma na pista no sábado! Resultado: CANSEI! Se dormi 3 horas por noite, foi muito... mas sabe de uma coisa, valeu à pena! 
Mas valeu à pena não por quê eu estava "solteira" (entre aspas porque sou muito bem comprometida, são 5 anos de namoro, ele sabe que o amo demais e que jamais faria qualquer besteira nestas festas), mas sim porque eu me senti linda, sabe? Me senti linda de um jeito que nunca me senti antes... Antigamente quando ia para esse tipo de festa ficava sentada no canto ou dançando bem discreta, e quando os meninos chegavam perto, eu já sabia que eles iriam passar direto por mim, ou rir de mim, ou dar em cima de minhas amigas. Mas dessa vez foi diferente...! Eu sabia que eles olhavam pra mim, e quando eles chegavam perto, eu sabia que iam falar comigo... mas dessa vez era eu quem tinha que passar direto! 


Sério, não tem sentimento melhor do que se sentir bem, e quando você está bem consigo mesma, os outros percebem isso... daí você irradia e transpira alegria! E mais do que um corpo bonito, ganhei mais auto-estima e mais auto-confiança. Acho que sou uma nova pessoa agora: bonita por fora e mais ainda por dentro :)

16 de setembro de 2013

Hipertrofia Muscular, já!

Hoje darei início a meu treino de Hipertrofia muscular, pra aumentar o volume dos músculos e tirar essas pelancas que me perseguem desde que emagreci. O segredo é ter muita força de vontade, pegar pesado na musculação e caprichar na nutrição - e como quero ganhar massa, tenho que consumir mais calorias do que gasto. O ideal é que sejam seis refeições por dia, com proteínas e carboidratos de qualidade. Portanto, ovos, peixe, carne, frango, whey, aveia, arroz integral e batata doce serão parte essencial na minha nova dieta. :)


11 de setembro de 2013

Discriminação Estética

Você se identificou?
Hoje eu me peguei assistindo ao Programa Bem-Estar e lá estavam eles falando de exclusão contra o público obeso. Eu sei que não sou mais gorda, mas psicologicamente falando, não consigo me desvincular dessa imagem e sempre acabo defendendo esta causa. 
Ao longo do programa, eles trouxeram uma sessão de fotografias que mostrava como essa discriminação acontece e como o olhar das pessoas às vezes consegue ser tão cruel quanto um comentário. Pouca gente sabe, mas essa violência tem nome: Discriminação Estética - que não por acaso é o tema do meu TCC. Segue então um trechinho.

"A busca pela beleza é um tema tão presente no dia-a-dia das pessoas que crianças, adolescentes e adultos interiorizam e reforçam estes conceitos, os quais pões em risco a convivência social harmônica e digna com quem parece diferente. Isso gera discriminação e exclusão destes indivíduos - a chamada Discriminação Estética. As vítimas normalmente são pessoas que fogem do padrão de aparência aceito por uma determinada sociedade. Somos bombardeadas por imagens e modelos de beleza nos veículos de comunicação. Todas estas informações invadem nosso subconsciente e, lentamente, vão ocupando um lugar de referência, tendo em vista que o mundo e as imagens que nos cercam são parâmetros que observamos, selecionamos, adotamos ou rejeitamos para formar nossa própria subjetividade. 
No entanto, sabe-se que nem sempre é possível ir de acordo com os padrões, e àqueles que não conseguem alcançar o padrão desejado, em geral sofrem muito, pois não correspondem à expectativa da sociedade. Surge então uma relação de olhar e ser olhado, agradar e ser agradado. Consciente ou inconscientemente, a auto-imagem muda, dependendo da aceitação e julgamento que os outros fazem dela.
A ideia de um padrão de beleza massacra personalidades e auto-estimas; geram dificuldades nos relacionamentos sociais e afetivos e até mesmo quadros psiquiátricos como consequência da marginalização do que é ser “diferente". No caso da pessoa obesa, esta sofre preconceitos e é discriminada, pois a sociedade julga o corpo magro como “normal”, e o corpo gordo como “patológico”. (...)"

27 de agosto de 2013

27 de Agosto: Dia do Psicólogo!

Hoje é o Dia do Psicólogo e, como muitos já sabem, esta é a minha profissão amada.
Fico chateada quando dizem que Psicólogo cuida de gente maluca, e por isso não frequentam, mas vou logo dizer que isso é um mito! Psicólogos cuidam de gente que sofre, ou seja, de todos! Verdade que uns sofrem mais, outros menos... mas somos seres humanos, portanto, frágeis. E independente de qual seja o sofrimento, a terapia é tão boa gente, tão gostosa! É como se tirássemos um peso das costas... Eu sou apaixonada! Super recomendo.

E sabiam que o Psicólogo pode ajudar (e muito) no processo de emagrecimento?

No quesito dieta, todo mundo sabe o que fazer pra emagrecer: sabemos dos alimentos certos e errados, dos horários, dos líquidos, das atividades boas e das ruins, mas por algum motivo não conseguimos emagrecer. Algumas pessoas até conseguem, mas sentem uma dificuldade enorme de manter o peso ou manter-se afastados da comida. Por alguma razão que desconhecem (inconsciente), sabotam a própria dieta. É nesse ponto que entra a Psicologia, aquela linda!
Muitos não sabem, mas os três pilares do emagrecimento são: Reeducação Alimentar, Atividade Física e Equilíbrio Psicológico. Isso significa que não basta fazer um belo prato de comida e malhar intensamente, se a cabeça não está legal. Perdas, decepções, frustrações, necessidade de agradar ou ser aceito, rejeição, rompimentos, luto, dentre tantos outros fatores, podem favorecer a alteração no comportamento alimentar, levando o indivíduo a comer demais ou compulsivamente. 
Por isso, é necessário eliminar os gatilhos que nos fazem comer pela emoção, tomar consciência dos nossos padrões de comportamentos, revisar e entender qual a relação do nosso estado emocional com a comida. Isso significa que para conseguir manter-se em emagrecimento ou no peso ideal, às vezes é necessário mudar de comportamento: coisa que o Psicólogo te ajuda a fazer :)

Tá esperando o quê?
Consulte um Psicólogo!

26 de agosto de 2013

Nova Academia

Foi-se o meu plano anual da academia... E como a situação financeira não está lá muito boa, tive que trocar. Por um lado é ruim, porque fiz tantos amigos na Academia Well que vou sentir saudades. Mas por outro lado, a nova academia - Health Fitness - é 70 reais mais barata, é bem mais perto de minha casa e tem bons instrutores. 

Os amigos velhos permanecerão, e novos irão aparecer :) 

Dou início a um novo ciclo aqui no Engostosando, que começa hoje!
(Infelizmente eu não sei o que está acontecendo por aqui, que eu não consigo postar fotos... é só comigo? Fico devendo.)

 

18 de julho de 2013

Biotipo

A vida continua corrida, a dieta tá mais ou menos (mas a balança continua nos 73kg, Graças a deus) e a academia tá de mal a pior. Esse é meu último mês dentro do plano anual da academia, e eu não sei como será de Agosto em diante, então já me desmotivei desde já.
A parte boa é que na semana que vem é meu aniversário de 22 aninhos e eu poderei renovar minhas energias na viagem que farei. Alguns dias respirando os ares Europeus me ajudarão a voltar disposta a Engostosar. 
No quesito emagrecimento, as pessoas a meu redor dizem que não há mais nada a perder, e que se eu emagrecer mais vou ficar com cara de doente. Tô magrinha, dá pra ver né? :D

Eu tenho que começar a aceitar o fato de que meu biotipo é grande, e que mesmo que eu perca toda a gordura do meu corpo, eu nunca vou ser que nem Gisele. Vou continuar grande e larga, com coxas grossas e quadril largo, que nem o das mulheres fruta... então vou usar isso a meu favor! ;) Agora preciso mesmo é enrijecer, então vou focar nisso. 

Me desejem Boa Viagem, um Feliz Aniversário e foco nos meus novos objetivos! 

Em breve estou de volta com a mesma assiduidade de antigamente! Juro!
Beijão ;*

10 de junho de 2013

"Ring Girl" e Eu

Andei desaparecida. Atualmente só ando assim... é Faculdade pra cá, Trabalho pra lá, Estágio acolá, e a academia, onde fica? Pois é, simplesmente sumi da academia também. E já sinto a diferença na pança! Passei o último mês atolada com a Monografia que precisei abdicar do meu processo de engostosamento em nome de minha boa formação. Amanhã prometo voltar ao ritmo antigo, é questão de necessidade.
As novidades não são muitas: entreguei o TCC parcial (é sobre a Repercussão do Bullying relacionado ao Excesso de Peso na Infância, no indivíduo quando Adulto) que, modéstia parte, está bem bacana (um dia faço um post sobre o assunto aqui, tenho certeza que muitas pessoas vão se identificar); estou de visual novo (me rendi ao cabelo loiro) - SUCESSO DA BAHIA; e minha viagem de aniversário mudou de destino... não vou mais pra Porto,  vou pra Espanha :)
Hoje eu vim falar sobre minhas novas fontes de inspiração: as Ring Girls!

Na última quinta-feira um amigo me convidou pra um evento de MMA que ele e o irmão estavam promovendo. Como eu sei que este é o tipo de evento que só dá homem e mulherão com pouca roupa, sabia que tinha que me arrumar à altura! Coloquei então minha calça branca (de gostosa), minha blusa decotada, subi no salto, joguei o cabelo loiro e liso pro lado e desfilei até o evento, arrasando com o namoradão do lado. Mas nem adiantou entrar com o pé direito no evento... na hora que eu vi as Ring Girls, de legging branco e top, eu murchei. E nem adiantava segurar o pescoço do namorado, era inevitável, elas sim eram gostosas!

Resultado: só me restou sentar no meu canto e admirar também. Ao invés de ficar reclamando, vou usá-las como motivação pra voltar pro treino e emagrecer.  Tenho certeza que elas treinam duro pra chegar nesse estado, então eu também posso :)

8 de maio de 2013

No Armário

Nunca escondi minha vontade de ficar gostosona... Um dia eu quero conseguir essa proeza, só pra poder me sentir bem vestindo um biquini, uma lingerie, dentre outras coisitas mais. Essas peças eu ainda preciso comprar, mas como esse dia ainda não chegou, só me resta me sentir bem na academia com as roupas de malhação. 

A verdade é que roupas de malhar não são tão baratas assim. Eu bem que queria me vestir com os leggins da moda, os macacões e os tapa-bumbum que acho tão lindos, mas os mais bonitos são meio caros, então não posso comprar tudo de uma vez. Não posso atualmente e nem pude comprá-los ao longo desse ano que andei malhando. Pra ser sincera, a última roupa de malhação que comprei foi em Julho (um macacão), e durante todo esse período usei essa peça e mais uns leggins que eram de minha irmã! 

A questão é que todas as roupas de malhar que eu tenho (com excessão do tênis) já estão pedindo SOCORRO! Eles estão folgados, desgastados e eu não aguento mais usá-los todo dia. Eis então que uma colega de academia chamada Carol surgiu vendendo cada roupa mais linda que a outra... daí eu abri o bolso.

Queria ter levado muitas outras peças, mas prefiro ir comprando aos poucos já que minha situação financeira não está lá das melhores. Comprei essa calça no valor de R$59,00 (e olhe que ela divide em 12x no cartão). Achei a estampa linda, a malha é uma delícia de confortável e, o melhor de tudo, é tamanho M e não G! Apaixonei :) Nem preciso suar pra ficar linda nessa calça! 
Que acharam?

Falando em roupas de malhar, existe uma página no Facebook (a qual não tenho vínculo nenhum, mas gosto muito) chamada Garota Tropical. Eles vendem cada roupa mais linda que a outra e fazem entrega no país todo. Parece confiável... Quando tiver um cartão de crédito, com certeza vou comprar! Confiram!!

6 de maio de 2013

Com Carboidratos!

Continuar a comer Carboidratos, foi a essa conclusão que eu cheguei. 

A maioria das pessoas que consultei foi contra a retirada deles da alimentação, restringindo sua ingestão somente no turno da noite. No entanto, cortei o pão e massas (já que não me fazem falta) e substituí o arroz por Batata Doce... pesquisei a respeito e vi que ela é uma boa aliada no processo de emagrecimento. Também acrescentei linhaça, mais frutas, mais proteínas e mais água. Por fim, e mais importante, me comprometo a não dar fugidinhas e a fazer escolhas saudáveis em todas as refeições, principalmente ao comer fora.

Inicio esta dieta hoje e vou segui-la nos próximos meses. Como em Julho é meu aniversário e, pelo que tudo indica, vou viajar pra cidade do Porto em Portugal, vou usar isso como estímulo para alcançar meus objetivos. São pouco mais que 60 dias e até lá quero estar mais magra, com as pernas mais bem definidas, com menos celulites e menos medidas... Então preciso me esforçar. 

Portanto, minha nova meta está lançada. 
O objetivo é alcançar 71kg até o dia 26 de Julho!


Beijos ;*

1 de maio de 2013

Sem Carboidratos?

Mais um mês se inicia e eu continuo na luta pra alcançar os 72kg que desejo, porque sair dos 74kg é quase uma missão impossível - eu falei QUASE! Nada é impossível quando o assunto é dieta! Ainda mais quando o mês começa com o Dia do Trabalhador... e todas nós merecemos parabéns por esta data, não só por trabalharmos nas nossas respectivas funções, mas por trabalharmos duro pra conquistar nossos objetivos e o corpinho tão desejado. :) 

Ultimamente, além de querer que os números da balança diminuam, quero também reduzir algumas medidas, e, quanto a isso, sei que existem muitas gordurinhas localizadas neste corpinho que Deus me deu. Foi quando eu vi um ditado na internet que diz: "se queremos alcançar algo que nunca tivemos, devemos fazer algo que nunca fizemos antes", e daí pensei: preciso agir!

A primeira coisa que me veio à mente foi, de um lado, aumentar o número de cereais e de proteínas na minha alimentação, e, do outro lado, reduzir ao máximo os carboidratos. Mas (com excessão das fugidinhas), minha dieta já é bem pobre em carboidratos: como um pão de manhã, duas colheres de arroz no almoço, umas batatas doces à noite e nos lanches como bananas. 

Queria a opinião de vocês, pois pensei em reduzir ainda mais os carboidratos da minha dieta. Pensei em cortar o pão e o arroz por um tempo, talvez comê-los de 7 em 7 dias, ou de 15 em 15... Não sei ao certo. O que vocês tem a me dizer sobre isso?

21 de abril de 2013

"Coisinhas" Motivacionais

Andei vacilando na dieta neste mês... ando tendo umas crises de ansiedade das brabas, dias de intensa compulsão e a cada dia que passa estou mais ciente de que tenho sim um transtorno alimentar (comento sobre isso outro dia). Probleminhas de percurso que não me impedirão de conquistar o corpo lindo que quero, mas como o objetivo final não é somente estético, estou levando mais a sério minhas sessões de terapia.
Entre altos e baixos, consigo me manter dentro dos 74kg desde Dezembro. Nem mais, nem menos... Mas como disse, não tenho feito por merecer. No entanto, amanhã uma nova semana começa e eu consegui "coisinhas" pra me motivar. 

A primeira delas é o meu namoradão, que também está firme e forte na academia e está cada vez mais magrinho, tá lindo! Seremos "o casal Fitness" da Bahia e um dia estaremos os dois arrasando de biquine e sunga pelas orlas daqui! haha 

A segunda coisa é que consegui um emprego para os finais de semana! Todo mundo sabe que sábado e domingo são dias de pisar na jaca... maaas isso não acontecerá mais pra mim, porque eu estarei TRABALHANDO! êêê Só assim pra eu comemorar, porque ninguém merece perder o final de semana workando. 

A última coisa é que tenho uma viagem international pra fazer no meu aniversário (em julho) e, até lá, quero estar bem pitelzinha, representando a mulher brasileira em pleno verão europeu.

Vamo que vamo!

6 de abril de 2013

Ansiedade sim, Remédios não.


"Acho que não vai ter jeito, vou ter que tomar um remédio para ansiedade, está fugindo do controle"

E foi este comentário que me deixou intrigada durante a semana... 
Sei que muitas de vocês não acharam nada demais nisso, mas me sinto na obrigação de colocar meu ponto de vista aqui, primeiro porque não suporto a ganância da indústria farmacêutica (que coloca os remédios como curadores de todos os problemas orgânicos) e segundo porque sou Psicóloga (e acredito no efeito de fatores psicológicos nas doenças). 

1. Você é Ansioso? Que bom!!

Hoje em dia todo mundo se diz "Ansioso". Eu não discordo disso! Acredito que a Ansiedade em si não é uma doença, ela faz parte do nosso sistema de defesa de modo que ser ansioso no passado nos ajudou a manter a espécie viva. Portanto, a primeira coisa que tem que entrar na cabeça das pessoas é que SER ANSIOSO É NORMAL, não é um defeito! Poréééém, acredito também que a história de vida pessoal faz com que sejamos ansiosos em maior ou menor grau - e é isso que vai determinar a ansiedade como normal ou patológica.
Por exemplo, digamos que você estava andando na rua e foi assaltada. Naquele momento você ficou em choque e isso se configurou numa experiência traumatizante pra você. Pode ser que nas próximas vezes que você venha a andar na rua sozinha, sinta sintomas típicos de ansiedade, como o coração palpitar, os tremores, calores, etc. Mas isso é de todo ruim? Não... estes sintomas avisam ao seu corpo que você pode estar em perigo na rua. É um mecanismo natural que tende a manter a espécie protegida.
Mas daí, a vida continua e você precisa andar sozinha na rua de novo, seja pra ir pro trabalho ou pra qualquer outro compromisso. Pode ser que nos primeiros meses você ainda apresente sintomas típicos da ansiedade, mas uma hora, quando você menos perceber, eles terão passado. Se não passarem, aí sim você deve buscar ajuda. Ajuda de remédios? Eu diria que não...

2. Daí eu te pergunto, o que é a Ansiedade? 

Não basta apenas responder que ela é uma espécie de agonia, em que o corpo fica agitado, a mente dispersa e o raciocínio conturbado. Trata-se na verdade de "um estado emocional com a qualidade do medo, desagradável, dirigido para o futuro, desproporcional e com desconforto subjetivo" (Aubrey Lewis).

Como você pode observar, fiz questão de grifar o "medo", porque é ele que perambula por trás de toda ansiedade (ás vezes de forma inconsciente). Como mostra o exemplo acima, geralmente as situações ansiogênicas são situações semelhantes a situações que já aconteceram no passado e que configuraram-se como experiências traumatizantes. Por conta disso, a pessoa ansiosa vive num estado de alerta constante (medo) por causa de uma situação que pode vir a acontecer novamente e causar sofrimento. Ela sofre por antecipação e isso lhe causa angústia e estresse.
Mas o psiquismo humano é perfeito e sempre existem mecanismos de compensação, pois não podemos ficar angustiados e estressados pra sempre - e nosso corpo sabe disso. Daí ele nos faz buscar modos de aliviar este estresse, normalmente através de alguns rituais: há quem vá às compras demais (consumistas compulsivos), há quem lave as mãos demais (higiene compulsiva), há quem verifique se trancou a porta do carro demais (vigilância compulsiva), há quem arrume a casa demais (organização compulsiva), há quem faça cirurgia demais (simetria compulsiva) e, dentre tantas outras coisas, há quem coma demais (compulsivos alimentares).


E considerando os medos que estão por trás de nós, gordinhas, o que vocês tem a me dizer? Eu pessoalmente morro de medo de engordar, mas por quê?

Algum tempo de psicoterapia me fez perceber que a única razão é: porque eu já fui gorda no passado, e isso me remete a momentos de rejeição por parte dos meninos, de solidão por parte das pessoas que me esculhambavam e me deixavam de lado, de abandono talvez, por parte daqueles que se aproveitavam de mim e depois iam embora, enfim. Remete a uma fase tão ruim da minha vida que eu luta com todas as forças pra não voltar a ser assim de novo. E quando há algo minimamente frustrante nesta minha busca, eu fico ansiosa e alivio minhas dores na comida. E se eu como muito, eu engordo... Complicado?

Portanto, o problema está não na Ansiedade em si, mas no modo como a aliviamos!

3. Quanto aos remédios?

Eis onde quero chegar. Os remédios não vão curar a sua ansiedade, primeiro porque a ansiedade não é um mal a ser combatido e segundo porque remédio não cura: remédios aliviam sintomas! Se você tem uma dor de cabeça e toma um remédio, sua cabeça vai parar de doer por um momento, o que não significa que você não vai ter dor de cabeça nunca mais. Se você tem gastrite e toma um remédio, sua dor vai passar por um momento, mas experimente beber um suco de limão novamente que a dor vai voltar. Se você sente tremores, palpitação e calor intenso porque está ansiosa, o remédio vai aliviar estes sintomas, mas o medo vai continuar lá. E remédio pra medo? Ah, esse não existe...

3 de abril de 2013

Whey Protein: engorda ou emagrece?

No Natal, em meio à minha correria como vendedora de shopping, ganhei de meu namorado um potão de Whey Protein. Obviamente, fiquei feliz da vida! Estava doida pra começar a tomar suplementação e ficar com corpinho de panicat de uma vez só... Mas por trás de toda felicidade também fiquei com um pouco de medo, porque há quem diga que o Whey emagrece, mas há quem diga também o contrário, e engordar eu não quero de jeito nenhum! Então resolvi pesquisar sobre o produto.

Assim como outros alimentos (ovo, frango, peixe, carne vermelha magra...), o Whey é também rico em proteína.  A diferença entre eles é que o Whey é de rapidíssima absorção, devendo ser tomado imediatamente após o treino, quando os níveis de aminoácidos estão baixos. Por isso que vemos tanta gente na academia com seus copinhos cheios daquele pó que mais parece nescau aguado (e tem gosto de nescau aguado). No fundo eu acho chique!

Quanto ao seu efeito o Whey pode engordar, mas foi feito para auxiliar no emagrecimento. O que vai definir seu efeito é a quantidade de proteína que você vai ingerir ao longo do dia, não somente a quantidade de Whey Protein. Se você ingerir proteína em excesso (seja de suplementação ou provinda das carnes), a tendência é que você engorde, mas se tomar a suplementação para complementar uma dieta equilibrada em proteína, seu principal efeito é o ganho de massa magra, logo, a perda de gordura. Isso não significa que os dígitos da balança irão diminuir! Não podemos esquecer que ganhar massa muscular não é a mesma coisa que engordar!
Por isso, ao iniciar o uso de suplementação, é normal que o número da balança aumente ou que diminua de forma beeem devagar. No entanto, isso não significa que você está engordando, o que muitas pessoas confundem.

Conclusão a que chegamos: Whey Protein não engorda, Engostosa! Tá liberado

Fontes: Emagrecer de Vez e Planet Buscas

2 de abril de 2013

Próximo Passo: Whey Protein

Não apareci pelo Blog nos últimos dias porque não estava inspirada pra escrever por aqui. Minha vida tá um pouquinho bagunçada: estou no último ano da Faculdade, fazendo a monografia do final do curso, estagiando como psicóloga clínica, trabalhando de recepcionista nas sextas, sábados e domingos e malhando pesado todos os dias.  Então, meu tempo livre na internet é pra ver e-mails, resolver trabalhos e relaxar! Não ando acompanhando a trajetória de vocês via Blogs, mas fico feliz em ter notícias de algumas via Facebook, principalmente da Roh e da Kelen, que estão lindas e magrelas! Sucesso!

Como foram na Semana Gorda Santa? A minha foi boa, consegui controlar a boca e não exagerei no caruru nem nos chocolates... Apesar disso, o saldo na balança foi negativo (o que já era de se esperar), mas nada que não dê para ser recuperado em uma semana de boa alimentação e malhação. 

Ando meio confusa com relação a meu peso. Ontem a balança marcou 75,200kg e isso indica que ainda estou com o IMC acima do peso ideal (preciso chegar aos 73kg pra sair do sobrepeso...). Mas vendo as fotos que tirei na Semana Santa, achei meu rosto tão magro que estou começando a rever meus conceitos... Talvez não deva usar o IMC como parâmetro. Se emagrecer mais, sinto que vou ficar feia e sem aparência saudável.

Aproveitei que Abril teve início em plena segunda-feira e usei isso como motivação pra Engostosar. Tirei do armário o Whey Protein que estava estocado lá desde Dezembro, malhei e botei ele pra dentro! Dizem as más línguas que ele engorda, incha, embaça... Mas quem não arrisca, não petisca! :)

Estas são minhas atuais medidas.

Acompanhem as cenas dos próximos capítulos...

8 de março de 2013

Dia Internacional da Mulher

Peça para um homem descrever um Mulherão... Ele imediatamente vai falar do tamanho dos seios, na medida da cintura, no volume dos lábios, nas pernas, bumbum e cor dos olhos. Vai dizer que Mulherão tem que ser loira, alta, siliconada, com sorriso colgate. Mulherões assim eu quase não conheço: Vera Fischer, Leticia Spiller, Adriane Galisteu, Bruna Surfistinha. Agora pergunte para uma mulher o que ela considera um Mulherão e você vai descobrir que elas estão por toda parte, em cada esquina.  

Mulherão é aquela que pega dois ônibus para ir ao trabalho e depois mais dois pra voltar, e que quando chega em casa encontra um tanque lotado de roupa e uma família esperando o jantar. Mulherão é aquela que vai de madrugada para a fila garantir a matrícula do filho na escola e aquela aposentada que passa horas em pé na fila do banco para buscar uma pensão de 100 reais. Mulherão é a empresária que administra dezenas de funcionários de segunda a sexta, e uma família de domingo a domingo. Mulherão é quem volta do supermercado segurando várias sacolas depois de ter pesquisado preços e feito malabarismo com o orçamento. Mulherão é aquela que se depila, que passa cremes, que se maquia, que faz dieta, que malha, que usa salto alto, meia calça, ajeita o cabelo e se perfuma, mesmo sem nenhum convite para ser capa de revista. Mulherão é quem leva os filhos na escola, busca os filhos na escola, leva os filhos para a natação, busca os filhos na natação, leva os filhos para a cama, conta história, dá um beijo e apaga a luz. Mulherão é aquela mãe de adolescente que não dorme enquanto ele não chega, e que de manhã bem cedo já está de pé esquentando o leite. Mulherão é quem leciona em troca de um salário mínimo, é quem faz serviços voluntários, é quem colhe uva, é quem opera pacientes, é quem bota a mesa, cozinha o feijão e à tarde trabalha atrás de um balcão. Mulherão é quem cria os filhos sozinha, quem dá expediente de oito horas e enfrenta menopausa, TPM, menstruação. Mulherão é quem arruma os armários, coloca flores nos vasos, fecha a cortina para o sol não desbotar os móveis, mantém a geladeira cheia e os cinzeiros vazios. Mulherão é quem sabe onde cada coisa está, o que cada filho sente e qual o melhor remédio para azia. 

Veras, Letícias, Adrianes, Brunas... Mulherões.

Feliz Dia Internacional das Mulheres! 

Texto adaptado de Gabi Valente

25 de fevereiro de 2013

Euro Treino

Quando 2013 começou, prometi pra mim mesma que não comeria arroz, macarrão, lasanha e frituras durante o ano, que não beberia mais refrigerantes e que só comeria os doces aos sábados e domingos. Obviamente, essas promessas ainda não começaram a valer... até porque em Londres eu comi minha cota do ano todo de batatas fritas e de chocolate, tudo isso acompanhado de um copo 500mL de Pepsi. Por um milagre divino, voltei ao Brasil ainda na casa dos 74kg, mas não quero me acomodar nesse peso. Ainda quero ter o corpo de Panicat e pra isso, a estrada continua longa.

E nada como uma segunda-feira para apertar o botão de Satrt, né? A partir de hoje minhas promessas alimentares de 2013 vão começar a valer :)

Mudando de assunto, no último post comentei que meu instrutor saiu da academia. Acho que ele foi tentar algo melhor na carreira e não tiro a razão dele, mas é meio chato quando isso acontece, principalmente porque ele era um bom instrutor . Mas, como não ia ficar parada me lamentando, fui atrás de algum outro instrutor que pudesse me auxiliar. E eis que encontrei o instrutor e professor de "Kropp" (um treinamento funcional que tá na moda atualmente e que é beem intenso), Augusto
Pense num negão de dois metros de altura, forte à lá Terry Crews? Tipo assim, é meu instrutor agora! Uhul! O bom é que ele parece bem centrado, competente... e quando eu disse que queria virar Panicat ele disse: 
"Era só isso que eu precisava saber. Está preparada?" 
ADOOOORO!

Hoje começo a malhação pesada, no melhor estilo "Euro Treino" de ser. 

Não sabe quem é Terry Crews? 
Não sabe o que é Euro Treino? 
Divirta-se com o vídeo a seguir. 

22 de fevereiro de 2013

De volta pro meu aconchego...

Enfim, voltei ao Brasil com gostinho de quero mais. Londres é uma cidade maravilhosa, certamente vai deixar saudades. Cheguei no domingo e passei toda esta semana tentando me re-acostumar com a rotina brasileira, tentando fazer uma espécie de "desmame", porque foi incrível o modo como me senti em casa no solo inglês. Com fé em Deus eu volto pra lá um dia, farei o possível :)

A nível de dieta, ela simplesmente não existiu! Poderia dizer que tirei "o dia do lixo" em Londres, mas na verdade foi o "mês inteiro" de lixo... Caprichei nos chocolates, hamburgers, batatas fritas, drinks, blá blá, mas não me arrependo. Tentei ao máximo fazer compensações ao longo do dia, comendo muito no almoço, mas pouco no café da manhã e no jantar.. Fora que no quesito "caminhadas", tirei nota 10. Talvez seja por isso que não houve prejuízo na balança: voltei com o mesmo peso que saí daqui, então posso respirar aliviada e voltar pra minha dieta feliz da vida! 

No mais, estou voltando à academia bem devagarzinho, que é pra não sentir muitas dores. A notícia ruim foi que mais um instrutor meu foi embora... É uma pena, porque estava me dando bem com ele. Mas já estou com um novo, Augusto, que me parece bem atencioso. Deixo vocês informadas.

Aos poucos volto por aqui amigas! ;*

16 de janeiro de 2013

Breve Despedida

Bom Dia Garotas! 

Vim rapidinho me despedir de vocês (temporariamente, óbvio). Estou indo agora mesmo pegar um avião pra São Paulo e em breve pegarei outro para o exterior, então não terei muito tempo livre pra internet - a saudade já é grande!
Meu objetivo de ir à Londres pesando 72kg não deu certo, então estou indo com 73kg mesmo. Mas vou passear bastante, então com fé em Deus não vou engordar muito! rsrs 
 

Beijo grande meus amores! ;*

10 de janeiro de 2013

Clube dos Persistentes

No final do ano passado, em meio à minha correria de final de semestre, fiquei muitíssimo feliz quando abri meu e-mail pessoal e li o convite feito por Natalia Medeiros do Clube dos Persistentes, perguntando se eu teria interesse em ser parceira deste novo Blog. Obviamente, não hesitei e disse que sim! 


A Natalia me explicou que o objetivo do Clube é reunir diversos blogs cujo tema é "emagrecimento", para que estes blogs não fiquem dispersos por aí. Em outras palavras, diria que o Clube dos Persistentes pode funcionar como uma espécie de catálogo virtual, onde estão presentes vários blogs de estimulação ao emagrecimento, dentre eles o seu e o meu. Isso permite maior visibilidade aos nossos cantinhos, de modo que nossas dicas e demais mensagens alcancem o maior número possível de pessoas :)

Pois bem, agora eu tenho uma parceria, um perfil e um Banner (aqui do lado). 
Obrigada Natália.

Todas nós, amigas blogueiras, sabemos o quão bom é ter essa rede de apoio maravilhosa para auxiliar no emagrecimento pessoal - já li diversos posts sobre este assunto por aqui. Não é a toa que muitas organizações relacionadas a emagrecimento (Vigilantes do Peso, Herbalife, etc...) sempre promovem encontros grupais entre pessoas em emagrecimento.

Que tal passar por lá agora mesmo pra conhecer este cantinho? 
Vale à pena ein...

9 de janeiro de 2013

Antes e Depois

Sei que muitas pessoas não gostam de academia e até entendo, eu também não gostava. Malhar cansa, dói, pode ser monótono, nos tira de nossa zona de conforto, exige disciplina, enfim... mas os resultados costumam ser tão positivos que compensa todo o esforço - e vim provar isso pra vocês!
Hoje posto pra dizer que faz um ano que me matriculei na Academia Well e, desde então, é lá que passo todas as minhas noites: suando, sofrendo e, ainda assim, sorrindo. Ao longo do meu emagrecimento tirei fotos no estilo "Antes e Depois" justamente pra ver as modificações no meu corpo e UAU! Vejam com seus próprios olhos...


Grande parte deste processo devo à alimentação, confesso. Mas não posso negar que a academia colaborou, não apenas a musculação, mas também o Boxe, o Pilates e o Swing Baiano. Lembro que quando tirei a minha primeira foto já havia iniciado a dieta (estava com 81kg) e ainda estava desconfortável com meu corpo "cheinho" e com sobrepeso. Hoje (com 73,700kg e com IMC saudável) tirei a última foto deste ciclo e nem preciso dizer o quanto engostosei! Ainda tenho umas gordurinhas laterais, uma celulite aqui e ali, uns pontos mais flácidos que outros, então sei que ainda há muito o que ser mudado pra virar Panicat, mas um passo de cada vez

Em breve inicio um novo ciclo e divulgarei aqui.

Ah, sim! Preciso dar créditos a algumas pessoas de lá da academia, que foram essenciais pra meu avanço. Quero agradecer à Samuel, meu primeiro instrutor; à Leo, professor de Boxe; à Marcio, professor de Pilates; à Jera, professor de Swing; e à AdrianaJéfersonDaniloThiago e Leo, pelo apoio moral, estimulação, ajuda e elogios. Não sei se você vão ler isso um dia, mas valeu! :)

5 de janeiro de 2013

Meu novo Personal Trainer

Bom dia gatas-garotas! 

Estou que-bra-da! Parece até que um caminhão passou por cima de mim... Mas estou adorando! É sinal de que o treino está fazendo efeito e que já já eu viro Panicat! Isso tudo porque há dois dias eu troquei de instrutor na academia e sei que foi a melhor coisa que eu fiz - o meu último instrutor não estava conseguindo me dar muita atenção por causa do grande número de gente na academia, mas entrou este novo instrutor (Thiago "Branco"), que parece mais um Personal Trainer do que um instrutor! Ele é do tipo que aumenta nossos pesos nos aparelhos quando acha que a gente é capaz, que fica do lado auxiliando a contagem das séries, enfim, é mais atencioso que os demais instrutores e isso já fez ele ganhar pontos comigo :)

No mais, hoje acordei bem cedo, disposta a fazer que o primeiro final de semana do ano seja perfeito! Sem jacadas e sem remorsos. Já já vou pra terapia e à tarde vou estudar inglês com meu namorado, tendo minha irmã com pró (preparativos pra Londres).

Ah, o Engostosando agora está no Facebook (clique aqui)! Percebi que muitas pessoas (inclusive eu), mesmo quando não atualizam os blogs, não deixam de entrar no Facebook por um dia sequer. Então, como meu objetivo é também motivar àqueles ao meu redor à seguirem suas respectivas dietas, resolvi usar esta rede virtual pra conseguir tal propósito. Lá eu vou colocar dicas, imagens, receitas, frases motivacionais, pra que todas nós estejamos sempre animadas e dispostas a andar na linha quando o assunto é "dieta"! Que já curtiu, eu agradeço! Quem não curtiu, curte lá! :)

Beijos

4 de janeiro de 2013

Dever de Casa


Por diversas vezes meu namorado, familiares e amigas me alertaram que eu poderia estar ficando neurótica em relação ao emagrecimento. Apesar dos bons resultados que colhi ao logo do ano que passou, sei que dentro de mim ainda existe muita insegurança, problemas com a autoimagem e a sensação de que pra me sentir bem comigo mesma eu devo me tornar tão bonita quanto as dançarinas de palco da televisão. Embora muitas pessoas as “confundam” com garotas de programa (não sei ao certo se o são) pelo modo vulgar que se vestem e que mostram seus corpos sarados com tamanha confiança diante das câmeras, eu sempre as vi com certa admiração, e quando percebi já as tinha como modelos a serem seguidos, como inspiração. De repente me dei conta de que queria ser como elas e que me dedicaria ao máximo pra alcançar esse objetivo.
Por conta dessa insegurança e problemas de autoimagem, fruto de anos sendo criticada por ser gordinha (e também por outras questões pessoais), decidi iniciar meu processo terapêutico. Em uma das sessões, sinalizei alguns dos meus problemas relacionados ao peso, incluindo distúrbios alimentares, compulsões e obsessão por dietas e por atividades físicas. Foi quando, sabiamente, minha Psicóloga (Alice Senna) me questionou:

- o que acontece se você não for malhar?
- eu sinto que vou engordar.
- e o que acontece se você engordar?
- eu fico gorda.
- e...
- só.

Percebem o quanto isso é vazio? Até poderia dizer que não quero engordar porque isso me traz problemas de saúde, mas no meu caso, até mesmo quando era obesa não tinha maiores problemas. Meus exames de sangue sempre estiveram dentro dos padrões saudáveis. Eu não apenas “não quero ser gorda”, como também tenho medo, pavor de sê-lo... Mas não sei o por quê disto - esta é a parte mágica da terapia, desvendar esses mistérios da vida. 

Amanhã retorno à terapia depois de um mês inteiro sem frequentar (por conta da correria do final do ano). Meu dever de casa foi fazer uma lista respondendo a estas questões: 
o que acontece se eu não for malhar?” e 
o que acontece se eu engordar?”.

O que vocês responderiam?

3 de janeiro de 2013

Doce inconsciente...

Não costumo sonhar muito. Conto nos dedos os dias em que sonho com algo. Minha psicóloga insiste em dizer que eu sonho todos os dias, mas que sou daquelas que esquecem do que sonharam no dia seguinte... enfim. De todo modo, hoje eu sonheeei! ÊÊÊ! hahaha Hoje meu inconsciente gritou, berrou bem alto, como quem diz "PELO AMOR DE DEUS, ME ESCUTE!" E pior, foi um sonho dos gordos (ou foi pesadelo, não sei ainda)!

Não tentem ver sentido nem lógica no que será lido adiante, afinal, é um sonho... e sonhos são doidos! :D

Era uma vez... Eu na garagem! rsrs

Tudo começou quando eu estava numa garagem, quando avistei um pote, ou melhor, O pote! (sim, tinha um pote na garagem) Não era um pote qualquer, ele era enooorme, de vidro, e dentro dele tinham centenas de sequilhos de goiaba  (aqueles redondinhos lindos e deliciosos que, affemaria, eu amo!) Quando vi, enlouqueci e, gordamente, comecei a comê-los. Mas a pior parte ainda estava por vir... se não bastasse pegar o pote só pra mim e começar a comer todos os sequilhos, duas amigas minhas apareceram do nada (essa garagem era muito badalada pelo visto) e começaram a derramar litros de leite condensado no meu lanche! O leite condensado transbordava, e eu me deliciava, babava, me melecava... O sonho só vira pesadelo quando meu instrutor da academia apareceu na garagem, muito chateado comigo, pois o pote de sequilho era dele e eu havia comido todo. (???) 

Depois de acordar, confusa, só consegui pensar no fato de que hoje é quinta-feira e que eu só posso comer doces aos sábados, no fato de que realmente deve ser muito gostoso comer sequilho com leito moça, e no fato de que meu Personal Trainer é um guloso :p ! Quando caiu a ficha de que tudo não passava de um sonho, eu fiquei feliz, porque não engordei e mais feliz ainda, porque minha vontade de comer doces foi embora (pelo menos por hoje)!

Tá vendo como meu inconsciente é bom comigo? Faz somente 3 dias que prometi não comer doces ao longo da semana e já consigo sentir o gostinho de leite condensado em plena quinta-feira. Ai ai, doce inconsciente... ♥ 

Agora vou rezar pra sonhar com um rodízio de Pizza ;*